Paixão pelos games marcada para sempre na pele

1280 720 Ricardo Syozi

Há muitos anos atrás, em um reino bonito chamado de adolescência, eu decidi fazer algo que para muitos me tornava um completo bobão: uma tatuagem. Várias pessoas não aprovam o fato de você marcar seu corpo eternamente com tinta, mas não era o fato de eu fazer uma tattoo que desagradava muitos ao meu redor (meus pais inclusive). O problema em questão é o que eu tatuei:

Sim, eu possuo uma tatuagem do logotipo da Nintendo em meu braço esquerdo, e com muito orgulho por sinal. Com isso em mente, a primeira pergunta que você, leitor, deve estar se fazendo é: “Mas por que diabos uma tatuagem da Nintendo?”. Bom, deixe-me responder sua pergunta com uma outra pergunta: Por quê não?

Há pessoas pelo mundo afora que tatuam o nome do ser amado, que tatuam peixes, ou que marcam seus corpos com símbolos tribais. Todas elas fizeram tais desenhos por algum motivo, algumas se arrependem, outras guardam um orgulho grande por ter tal marca eternamente em seus corpos. A questão não é o que tatuar, mas por quê tatuar.

Eu tatuei o logotipo da Nintendo para representar do meu jeito a minha paixão pela empresa. Eu cresci jogando Mario e companhia, ia na casa de um amigo só para jogar Super Mario Bros. 3, passei horas de minha vida me divertindo com colegas em meu Nintendo 64, voltei a ter um videogame em casa por causa da série Metroid Prime no Game Cube. O que a Big N representa para mim é nada mais, nada menos, do que uma parte gigantesca de minha vida, e por esse simples motivo que eu decidi registrar isso em meu próprio braço. O meu motivo é o mesmo do que a maioria: homenagear, representar, demonstrar uma paixão. E disso eu não abro mão em momento algum.

Que fique claro que não estou dizendo para você sair correndo agora de sua casa para fazer uma tatuagem de seu game preferido, não há apologia a tatuagens ou coisas do tipo. O que quero dizer com esse texto é para que você não tenha preconceito ou medo de expressar algum tipo de sentimento positivo. Seja com uma tatuagem, seja com uma camiseta. O que importa é você ser apenas você e viver a sua vida da forma como você deseja, sem seguir padrões de terceiros. Porque o que realmente é sagrado na vida é, convenhamos, gostar de viver.

E agora vou te fazer uma outra pergunta, qual a importância de videogames na sua vida?